Galeria de Físicos

Desenvolved by Prof Luiz Henrique Gobbi

Paul Adrien Maurice DIRAC nasceu em Bristol - Inglaterra, em 8 de Agosto de 1902. Estudou engenharia elétrica na Universidade de Bristol, completando o curso em 1921. No ano de 1923, DIRAC formou-se em matemática e recebeu uma bolsa de pesquisa no St. John's College, na Universidade de Cambridge.

Neste ano já se acumulava toda uma tensão pré-Mecânica Quântica, com os trabalhos de Max PLANCK em 1900, Philipe Lénard em 1902, Albert EINSTEIN em 1905 e 1917, Ernest RUTHERFORD em 1911, Niels BOHR e Élie CARTAN (matemático) em 1913 e, por último, Arthur COMPTON em 1922-1923. A Física fundamental era consistida de 02 partículas de matéria (o elétron e o próton) e o quantum de luz de Albert EISNTEIN, que COMPTON acabara de elevar à categoria de partícula: o fóton.

Essas 03 partículas eram portadoras de cargas muito representativas: o elétron com a sua carga, '-e', o próton com a carga oposta, '+e', e o fóton, neutro. Neste ambiente, em 1926, na sua tese de doutoramento, DIRAC desenvolveu uma versão da Mecânica Quântica que incorporava a "Mecânica Matricial" de Werner HEISENBERG com a "Mecânica Ondulatória" de Erwin SCHRÖDINGER num único formalismo matemático.

Por este feito, DIRAC é considerado, junto com Werner HEISENBERG, Max BORN e Pascual JORDAN, um dos formuladores da Mecânica Quântica.

Em 1928, ao formular uma hipótese para explicar o comportamento dos elétrons em torno do núcleo atômico, desenvolveu a chamada "Equação de Dirac", que descreve o comportamento relativístico deste elétron. A equação de Dirac introduziu teoricamente o conceito de antipartícula. Ela o levou a prever a existência do pósitron, a antipartícula do elétron, que foi observado experimentalmente em 1932 por Carl David Anderson.

DIRAC, como excelente matemático, desenvolveu uma notação padrão para descrever estados quânticos na teoria da mecânica quântica, a chamada "Notação Bra-ket". Ela também é utilizada para denotar vetores e funcional linear abstratos na matemática pura. É assim chamada por ser o produto interno de dois estados quânticos, denotados por "bra" e "ket", consistindo de uma parte esquerda, <φ, denominada bra, e uma parte direita, ψ>, denominada ket. Em mecânica quântica a expressão <φ¦ψ> é tipicamente interpretada como a amplitude de probabilidade para o estado ψ se colapsar no estado φ.

DIRAC recebeu em 1933, junto com Erwin SCHRÖDINGER, o prêmio Nobel de Física. Participou da 5ª, 6ª, 7ª e 8ª Conferência de Solvay.


É creditada a DIRAC a resolução do "Problema dos Quatro Quatros". O problema dos quatro quatros foi apresentado na obra "O Homem que Calculava", do autor brasileiro Júlio César de Mello e Souza. O problema consiste em formar todos os números inteiros utilizando-se expressões aritméticas com apenas quatro algarismos 4.

DIRAC faleceu a 20 de Outubro de 1984 em Tallahassee, na Flórida (EUA).

 

"A matemática é a ferramenta mais adequada para lidar com conceitos abstratos de qualquer tipo e não há limite para o seu poder neste campo"
Paul Dirac (1902 - 1984)
 
Site em conformidade com o padrão CSS válido!
Testado para os navegadores Mozilla Firefox e Google Chrome.